A minha experiência como embaixador e como tudo começou

A minha experiência como embaixador e como tudo começou

Hoje, deixo-vos mais um testemunho de um shaper de Lisboa, Felipe Lemos:

“Quem nunca sonhou em ter sua própria empresa? Eu sempre tive uma imensa paixão por empreendedorismo e sempre procurei mais informações, mais ideias inovadoras, mais histórias de sucesso e, nessa incansável busca, tive a oportunidade de escutar a história do José e da Forall Phones e a empatia foi instantânea. Uma empresa onde temos “possibilidades ilimitadas”, onde todos temos oportunidade de criar, inovar e ser empreendedores, e eu não podia ficar de fora disto! Segui todas as redes sociais, passei a acompanhar os passos da empresa e assim que abriram candidaturas para o programa de embaixadores não pensei duas vezes em inscrever-me e foi a melhor coisa de sempre.
Apesar de estar na Forall Family há apenas pouco mais de 1 mês, já tive oportunidade de conhecer pessoas incríveis. Assim que entrei, nas minhas primeiras semanas, tivemos um jantar no nosso segundo escritório (a.k.a 100 montaditos) e mais uma vez consegui perceber o senso empreendedor de todos os que trabalham na Forall Phones, todos com novos projetos e animados para criar coisas novas. O sonho do José já não era apenas dele, era de toda a família.
Família cada vez mais diversificada e multicultural digo-vos. Um exemplo claro disto foi o “Walking tour” que tive a oportunidade de fazer com a Paula Cerdeira, Community manager da Espanha, que é mexicana. Uma mexicana, que vive em Espanha, a ser guiada por Lisboa por um brasileiro. Isto com certeza não é algo que se encontra em qualquer empresa!
Apesar de recém-chegado, já tenho imenso orgulho em vestir a camisola e só tenho a agradecer por todas as experiências e oportunidades que são dadas aos Community Shapers.
Se chegaste agora como eu, sê bem-vindo e espero que tenhas uma experiência incrível e que nos encontremos em breve. Se ainda não fazes parte da família, mas queres participar, espero que este meu pequeno relato consiga transmitir um pouco do que vivemos cá dentro.

 

Join the movement! “

Felipe Lemos

Artigo anterior As novidades da Apple

Deixe o seu comentário

* Campos obrigatórios